O que é o SISU

O Sistema de Seleção Unificada (Sisu) foi criado em 2010 e está em uso desde então. Desenvolvido pelo Ministério da Educação (MEC), o programa é utilizado pelos estudantes como uma forma de ingressar no ensino superior com bolsas de estudo parciais ou integrais. São inúmeras as instituições de ensino superior participantes do sistema e, a cada semestre, essas faculdades disponibilizam milhares de vagas para candidatos que realizaram a edição mais recente do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). 

O Sisu abre as inscrições duas vezes ao ano, o que corresponde ao primeiro e segundo semestres do ano letivo. Para participar do programa, os interessados devem acessar ao site oficial do Sisu e realizar a inscrição. Ao se inscrever no programa, o aluno poderá escolher até duas opções de cursos, sendo permitido realizar diversas alterações durante o período de inscrições, ao término do prazo de inscrição, a última alteração será a única considerada válida. É importante ressaltar, que cada faculdade poderá estabelecer nota mínima e peso diferente para os cursos ofertados. 

Nota de corte 

O Sisu utiliza o resultado obtido no Enem para selecionar os candidatos com base no número de vagas e total de alunos interessados no mesmo curso. Para isso, o programa usa a nota de corte, ela equivale a pontuação mais alta do último candidato selecionado. Sendo assim, se o curso escolhido tiver em aberto 40 vagas, a nota de corte será  a da quadragésima pessoa. Isso significa que o aluno que estiver entre esse número de pessoas, a vaga teoricamente já estará garantida. O sistema informatizado do Sisu realiza uma vez por dia, o cálculo e divulgação das novas médias de corte para cada curso. Deste modo, é muito importante que o candidato acompanhe diariamente as atualizações realizadas no sistema. 

Quem pode participar ?

É permitido a participação de qualquer estudante que tenha realizado a última edição do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) e não tenha zerado a redação. Os alunos que já conseguiram anteriormente bolsa de estudo pelo Sisu, também podem participar das seletivas obedecendo às mesmas condições dos demais candidatos. 

Lista de espera 

A lista de espera é como se fosse uma “segunda chance” dada aos candidatos que não conseguiram ser aprovados na chamada regular. Deste modo, os alunos que demonstrarem interesse, poderão tentar uma vaga no ensino superior através desta lista.

Para se inscrever na lista de espera do Sisu é bem simples e rápido. O estudante deverá acessar o boletim na página do programa e se inscrever dentro do período especificado. No entanto, os estudantes que desejam participar devem atender a alguns critérios: não ter sido aprovado em nenhuma das duas opções na chamada regular ou ter sido aprovado na segunda opção de curso, mesmo que já tenha realizado a matrícula ou não. 

Quer ficar por dentro de tudo sobre as melhores faculdades?